Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Um Pouco de Compreensão

 

Encontrei este vídeo no Lifestyle e pensei logo que tinha de o partilhar. Foi feito por uma Associação de Autismo britânica com o objectivo de mostrar ao público o que sente uma criança autista quando está em centros comerciais. A verdade é que estes ambientes são bem agressivos: há pessoas em todas as direcções, luzes artificiais que magoam os olhos, todo o tipo de sons e cheiros...Tudo ao mesmo tempo a sobrecarregar o sistema a ponto de o fazer explodir. Tenho achado bem difícil explicar isto no dia-a-dia: não é algo como uma perna partida que está ali à vista e com que os outros se tendem a identificar (por exemplo partilhando as suas experiências à cerca do assunto), mas experimentem dizer: é que o meu filho está assim porque o cérebro dele não consegue processar e seleccionar esta quantidade de estímulos. Vai ser um sucesso, de certeza.

 

Especialmente doloroso se a pessoa não tiver meio de expressar o que está a acontecer. Imaginem se os centros comerciais tivessem uma salinha sensorial onde se podia descontrair. Daria muito jeito. Às vezes basta pensar um pouco...Para ficarmos surpreendidos com a quantidade de coisas simples que podiam ser feitas para tornar a vida de alguém mais fácil: porque é que os semáforos não têm um aviso sonoro que dispare quando o sinal fica verde? Porque é que não há em todas as estações uma faixa rugosa de chão junta à linha, de modo que alguém que não veja se possa situar em segurança? Porque é que as portas de alguns serviços são tão pesadas e custosas de abrir? 

Quem Escreve Aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Abril 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Sumo que já se bebeu

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Algo especial a dizer?