Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Comentários de valor

Caso em estudo: o ciclone em Moçambique

 

1.

- olha para aquilo, andam descalços! E as casas...Estes países têm tantos recursos, não se compreende...

 

- bem, tirámos vantagem desses recursos por um bom tempo...

 

- oh essa conversa, o que é que isso tem a ver?

 

2.

- Se não tivessem tirado os portugueses de lá esta tragédia não teria acontecido!!

 

[Contado por alguém que ouviu]

 

 

Esta última quase bate um comentário em que alguém dizia algo como: também não gosto da música [a do Conan], detesto que estas minorias nos tentem impor as suas convicções a todo o custo. E não se pode falar para não sermos acusados de racismo, vivemos numa ditadura!

 

Posso sempre contar com pessoas de merda como esta para ter material para posts.

 

Este mundo desgasta

- num curto espaço de tempo vi no Sapo Lifestyle, esse lugar de lendas, três interessantes artigos: um com o título: "É uma das mulheres mais sexy da Eurovisão, mas já foi gorda"; um sobre a idade em que se deve começar a aprender as tarefas domésticas ilustrado com imagem de uma mãe com a filha na cozinha e um sobre as vantagens de ser mãe a tempo inteiro. Que nunca nos esqueçamos nem por um único dia de qual é o nosso lugar no mundo...

 

- Pessoas que publicam frases inspiradoras sobre aceitação e logo a seguir dicas para ter um corpo de praia 

 

- O suspeito converteu-se à organização terrorista no ano tal e não: o suspeito converteu-se ao Islão no ano tal. Não pode ser assim tão difícil. Uma vez na cobertura televisiva de uma homenagem às vítimas de um atentado um microfone foi colocado à frente de uma rapariga de véu, apesar de estar ali um monte de gente que poderia falar...Se contribuímos para espalhar ódio qual é a diferença entre nós e os terroristas? Termos melhor aspecto?

 

- Ontem estava a pesquisar sobre um livro e encontrei uma opinião que dizia - "[pode] conter algumas situações que desagradam às leitoras mais feministas" Se vocês forem pouco não há problema. Ou se só forem feministas tipo uma vez por mês, quando estão com o período...

Mãos Atrevidas

Ontem encontrei um comentário de um tipo que dizia que não havia mal nenhum num homem pôr a mão na perna de uma mulher - isto vinha em seguimento de uma notícia sobre um ministro inglês que se demitiu depois de ter colocado a mão no joelho de uma jornalista durante um jantar. Ocorrem-me algumas questões: porque deve ser considerado aceitável tocar noutra pessoa sem autorização? É uma coisa que os homens costumam fazer entre si, tocar nas pernas uns dos outros? Ou é apenas considerado aceitável se a outra pessoa for uma mulher? Porque alguns homens continuam a achar que o nosso corpo está à sua inteira disposição e porque continuam a invadir o nosso espaço? Porque será que o conceito de consenso é tão difícil de compreender? Até um cachorro consegue perceber rapidamente o que é um não. Porque é que eu deveria achar excitante ser tocada desse modo? Porque alguns continuam a se fazer de vítimas dizendo que a culpa é nossa se nos sentimos desconfortáveis? E muito importante: porque não ensinam as meninas a partir os dedinhos dos atrevidos? Quem tiver uma resposta lógica para qualquer destas perguntas irá receber um queijinho. 

Quem Escreve Aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários insultuosos serão apagados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico.

Calendário

Agosto 2019

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

A Ler...

Algo especial a dizer?