Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

O Diário das Nossas Imperfeições

(tirei daqui)

 

Como moça com peso a mais fui aprendendo umas coisas ao longo da vida...Por exemplo, que há um código de roupa para cada tipo de corpo e se vocês forem gordas é bastante restrito: calções, biquínis, tops, vestidinhos, padrões com riscas, mini-saias, cores claras que chamem a atenção...Olá jovem gorda aqui está a sua melhor amiga: a cor preta. E os seus conselheiros: os artigos das revistas que ensinam a tapar as diversas misérias. O que não se pode fazer: não é como se vocês pudessem estar sentadas na borda de um fontanário numa praça qualquer a comer algodão doce e a ler um romance...É uma imagem romântica mas não se forem gordas ou pelo menos eliminem a parte do algodão - gorda comer coisas dessas em público é admitir o erro ainda por cima estão a influenciar os outros a fazer o mesmo. Não querem que as pessoas vos respeitem? Coisas que não devem dizer: que gostam de pizza se não querem levar com um olhar reprovador se bem que se responderem alface levam com ele à mesma: gostas, mas não deves comer muita. Ou: essa nova dieta não me interessa muito...Erro fatal.

 

Uma gorda tem de estar sempre obcecada por dietas...Coisas que não devem sentir: auto-confiança. Ou sentirem-se bonitas, ou livres - tirarem a roupa e correrem para debaixo de um repuxo sem enojar ninguém. Ou amor: "se perdesses esses quilinhos ele olhava logo para ti". Vergonha, no entanto, é algo que vocês podem sentir à vontade e todos os dias. Depois fui notando que tal sentimento revigorante era extensível até a quem não tinha gordura a mais. Eu pensava que se até as modelos se sentem pouco confiantes às vezes apesar de serem bonitas e magras então não existia esperança para mim. No Verão é sempre pior...Aqueles anúncios. Os meus preferidos são os da Depuralina que mostram uma jovem deprimida enquanto atrás duas "em forma" escolhem roupas alegremente. Não há grande diferença entre esse anúncio e um monte de entulho na sarjeta, excepto que o monte de entulho não pratica bullying com ninguém, só está ali sossegado. 

 

Lá acabei por chegar à grande verdade: todos são bonitos independentemente de qualquer padrão previamente estabelecido. Demorou um bocado. Na verdade é mais um work in progress. Alguns dias não são assim muito bons...Mas parte-me o coração que metam estas ideias horríveis na cabeça de meninas (e meninos) pequenos e jovens. A net nem sempre é o melhor sítio para falar disto a julgar por algumas coisas que se lêem, desde insultos até argumentos como " não devias publicar essas fotos porque estás a incentivar à obesidade". Queria ganhar um euro toda a vez que encontro esta balela. Os blogs não escapam, há muito polícia da moral a escrever por aí - "não imaginam a baleia que vi na rua hoje...Porque não se vestem estas pessoas com a roupa indicada para o seu corpo?" Felizmente, nem tudo é mau: há gente que indiferente aos insultos não deixa de se mostrar. Fico super contente quando encontro páginas pessoais ou sites que incentivam ao positivismo corporal e mostram que não há nada de vergonhoso nos pneus a mais, nos ossos salientes, nas cicatrizes, nos sinais, na cor...Não é o que temos a mais ou a menos que nos deveria definir certo?

 

27 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Quem Escreve Aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Outubro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Algo especial a dizer?