Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Na Pasta das Imagens - II

 

Andei a dar uma volta numa das minhas pastas de imagens e dei com esta foto - é a partida do CEP para a Grande Guerra em 1917, tirada a 12 de Fevereiro desse ano pelo fotógrafo Joshua Benoliel. Nunca fui capaz de a eliminar porque sou absolutamente fascinada por aquela figura da esquerda. Como interessada em História estou sempre a encontrar dead ends - estórias obscuras, factos que se contradizem, vidas anónimas, Jack the Ripper, a Mona Lisa...Coisas que nunca se saberão. Quem será esta moça? Irmã? Noiva? Ou apenas uma rapariga aleatória? Esta última não me parece muito provável: parece-me haver ali sinais de intimidade, pelo menos ele está a olhar para ela nos olhos...Terá ficado constrangida? - porque o fotógrafo se armou em engraçadinho ao pedir a foto ou porque está muita gente ali á volta? Ela parece-me demasiado nova para ter prole, ao contrário das senhoras atrás...Será que ele lhe escrevia? Deviam demorar uma eternidade a chegar as missivas...E depois ela ia a correr ao padre para que ele lhas lê-se?

 

 

Nada como uma esposa e uma mãe para ver se está tudo em ordem! Hoje toda a gente fica logo a saber a estória por trás de tudo (ou quase), mesmo algumas fotos antigas têm uma estória conhecida, por exemplo, se alguém se lembrou de ir averiguar quem eram os protagonistas (como a do beijo no Times Square...Amo essa foto. Esta tirei daqui), mas a maior parte não claro - são apenas um único momento congelado para sempre. É frustrante e fascinante ao mesmo tempo.

 

 

Esta foto encontrei num site qualquer há uns tempos. A legenda dizia: A Dutch woman refuses to leave her husband, a German soldier, after Allied soldiers capture him. She followed him into captivity. Pareceu-me logo uma coisa épica, mas não encontrei muito mais: uma mulher holandesa que casou com um militar alemão durante a ocupação e quando este foi preso em 1944 pelos britânicos ela foi com ele para um campo de prisioneiros em Walcheren. Nada sobre o que aconteceu depois: morreram lá ou sobreviveram? Como se terão encontrado estas duas almas? Tipo, casaram às escondidas ou assim? Esse sorriso para a objectiva - vêem? Não estou nem aí para as vossas regras. 

 

 

Pelo menos não conhecendo todos os meandros podemos usar a imaginação à vontade...Também do mistério pode nascer a ficção. Aconteceu com o famoso romance Rapariga com Brinco de Pérola de Tracy Chevalier que depois foi adaptado ao cinema com a Scar Jo. A autora criou uma estória em volta do modelo do quadro que não se sabe quem é...É um óptimo livro se alguém tiver interesse. Acho que nunca me hei-de cansar de olhar para este quadro (também conhecido como Mona Lisa holandesa...Sempre achei o sorriso da Gioconda meio assustador. Tem o ar de quem sabe coisas mas não vai dizer). quem será a rapariga? Porque está a usar uma jóia mas ao mesmo tempo tem o cabelo tapado? Parece haver ali uma certa expressão de desejo - esses lábios entreabertos -  mas também de inocência...Tantas perguntas e tão poucas respostas.

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Sara 18.04.2015

    É...Por isso é que acho fascinante. No caso das nossas fotos claro que sabemos que o aconteceu antes e depois, mas no caso de fotos como estas - são apenas num momento da vida de alguém que chegou até nós e sobre a qual podemos divagar á vontade porque nunca vamos saber a verdade :) Pessoalmente gosto de saber a estória por trás de tudo, mas há coisas que vão permanecer por explicar o que é ao mesmo tempo uma frustração e um delicioso exercício da imaginação.
  • Sem imagem de perfil

    José Rosa 19.04.2015

    Essa é uma das partes das fotos... são para provocar memórias que se podem ter perdido. Mesmo nas nossas fotos, quando vais ver uma foto tua ou que tu tiraste há muitos anos (10-12 anos no mínimo...), é que te vais estar a lembrar do que rodeou aquela foto. Muitas vezes, até te lembras de coisas que, na altura, nem te passaram pela ideia. Por isso é que gosto de olhar para as imagens e criar uma ideia sobre elas. Quando se começa a saber demais sobre as imagens, tanto se pode perder aquele momento em que pensaste "será que aquilo é o que estou a pensar?" como saberes o que rodeou a imagem e ainda a admirares mais (não te critiquei. É sempre bom tentar saber o que rodeia aquela parte de segundo que está ali naquele papel mas, nem sempre é o melhor)
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Quem Escreve Aqui

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Avisos

    As opiniões sobre livros e filmes podem conter spoilers. Comentários insultuosos serão apagados e fascistas não são bem-vindos. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico.

    Calendário

    Abril 2015

    D S T Q Q S S
    1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    2627282930

    Sumo que já se bebeu

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D

    A Ler...

    Algo especial a dizer?