Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Desabafos Agridoces

"Enfim, bonito e estranho, desconfio que bonito porque estranho"

Uma pizza literária

tumblr_n3nrqi6dGk1rmb4jeo1_500.jpg

(Paul Landacre, Sultry Day. 1937)

 

Resumo das últimas leituras, que calharam a ser de quatro géneros diferentes

. Poesia

Amargos Como os Frutos, Ana Paula Tavares: o meu amor pela poesia era morno, gostava mas lia muito pouco. Mas como se tem visto, um dos efeitos deste desafio tem sido levar-me a ler mais deste género e foi com interesse que peguei neste conjunto que reúne seis títulos de poesia desta autora angolana - Ritos de Passagem (1985); O Lago da Lua (1999); Dizes-me Coisas Amargas Como os Frutos (2001); Ex-Votos (2003); Manual Para Amantes Desesperados (2007) e Como Veias Finas na Terra (2010). Comecei com interesse e só posso dizer: acabei maravilhada. 

. Contos

Com Esta Chuva, Annemarie Schwarzenbach (Suíça): um conjunto de quatorze contos cujas personagens são na sua maioria europeus e americanos que estão em trânsito por regiões do médio oriente ou que vivem lá seja por trabalho ou por mais íntimas razões, numa altura em que a Europa mergulhava na Segunda Guerra. Achei interessante, embora não memorável.

 

jagannath, Karin Tidbeck: Pessoas que se apaixonam por zepelins e outras que sobrevivem dentro de criaturas num futuro pós-apocalíptico, mulheres que criam vida em latas com o seu sangue menstrual, há estranhos avistamentos nas florestas da Suécia e não menos estranhos hábitos alimentares numa terra onde o tempo não funciona - são algumas das coisas que podemos encontrar neste conjunto de contos de ficção-especulativa. Muito bom.

. Memórias

Knitting the Fog, Claudia D. Hernández: a relação, por vezes tumultuosa, entre mães e filhas, resiliência e poder feminino marcam este livro de memórias. Uma combinação de prosa e poesia, onde a autora conta a sua infância passada numa pequena vila da Guatemala, marcada pela forte presença da sua avó, tias e a mãe que consegue passar para a América quando Claudia tem sete anos. Três anos mais tarde ela empreende de novo a mesma viagem mas desta vez acompanhada pelas filhas. Uma longa jornada, perigosa e incerta em autocarros e até barcos lotados para conseguir chegar à Califórnia. Ali Claudia tem de se adaptar a uma realidade bem diferente.

 

Guerreiras da paz: Como a solidariedade, a fé e o Sexo Mudaram Uma Nação em Guerra, Leymah Gbowee: a inspiradora biografia da mulher que em 2011 recebeu o Prémio Nobel da Paz pelos seus esforços para acabar com mais de uma década de guerra na Libéria. Convencida de que os enormes sofrimentos e abusos vividos pelas mulheres durante a guerra não podiam ser ignorados e que a sua participação no processo de paz era essencial - e que se as mulheres se juntassem podiam formar uma onda de poder imparável - ela liderou um movimento feminino com milhares de participantes que organizou diversas formas de protesto exigindo paz, o que veio a acontecer em 2013.

. Romance

Rua Katalin, Magda Szabó: a história de quatro personagens que se conhecem em crianças, durante os anos trinta enquanto vivem numa rua de Budapeste junto ao Danúbio, a rua que dá título ao livro. E como as suas vidas e relações são irremediavelmente marcadas pelos acontecimentos históricos - a invasão nazi, a guerra, a ocupação soviética e a revolução de 1956...No início a leitura não me estava a dizer muito, mas acabei por gostar bastante. 

 

Convenience Store Woman, Sayaka Murata: a história de Keiko, uma mulher de 36 anos que trabalha numa loja de conveniência, no Japão são chamadas konbini e são um pouco diferentes do que estamos habituados aqui. A nossa personagem sempre foi um pouco estranha e nunca se conseguiu inserir em lado nenhum, excepto na loja. A loja é o seu único interesse, mas conforme o tempo passa a pressão para casar e\ou arranjar um emprego melhor vai sendo cada vez maior. Tenho de admitir que fiz um sorrisinho quando vi na capa uma citação elogiosa de Sally Rooney...Não gostei nada deste livro.

 

Quem Escreve Aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários insultuosos serão apagados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico.

Calendário

Outubro 2020

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

A Ler...

Algo especial a dizer?