Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Íntimas Estantes

Normalmente os leitores gostam de exibir as suas estantes: postando fotos ou colocando-as num lugar à vista de convidados em casa talvez até mesmo passando os livros mais feios para baixo. Não há mal nisto, a menos que o objectivo seja apenas a exibição e mais nada. Comprar livros para enfeitar sem os ler é muito deprimente. Mas quando se pensa bem: uma estante é uma coisa realmente íntima. Se olhar agora para a minha posso ver os livros que li quando era pequena, os que li quando era moça, o primeiro que sublinhei, os que foram relidos, os que foram lidos de seguida e aquele osso duro que levou meses e que está cheio de notinhas. Aquele especial que um dia simplesmente apareceu em casa sem que eu saiba como e o que caiu de uma varanda abaixo. Os que ainda devem ter areia. Os que andaram aos tombos dentro de malas. Os que foram novos mas já estão a ficar velhinhos. Onde foram comprados ou lidos: tempos, lugares, momentos de languidez ou de stress. Pessoas também. A nossa estante como um registo da nossa vida. É uma coisa bonita de se pensar. 

Os primeiros encontros

Vocês a achar que esta que vos escreve não celebra o dia 14...Mas claro que sim! Mas não com jantares em que se paga muito por quase nenhuma comida, nem com o visionamento de filmes que dizem que um tipo pode abusar à vontade de uma mulher desde que seja rico e bem parecido, nem com pedidos de casamento. Honestamente, não casaria com alguém que achasse boa ideia fazer o pedido em tal dia. Quão aborrecida uma pessoa tem de ser? E aqueles pedidos em público? Que medo. A minha ideia de amor verdadeiro: fui buscar livros à estante, li passagens ao acaso, dei-lhes abracinhos...Acabei com duas pilhas em cima da secretária. Como já fiz um post sobre casais da literatura desta vez escolhi outra instituição cara a tantos leitores: a primeiríssima vez que as nossas personagens se encontram:

 

 

 Possivelmente o encontro menos promissor de sempre

(Pride and Prejudice - Jane Austen)

 

 

Winterbourne encontra Daisy

(Daisy Miller - Henry James)

 

 

Alex encontra Tatiana na paragem do autocarro

(The Bronze Horseman - Paullina Simons)

 

 

 Jane não se assusta com testas franzidas e ares rudes

(Jane Eyre -  Charlotte Brontë)

 

 

 Felix encontra Gertrude

(Os Europeus - Henry James)

 

 

Blimunda encontra Baltasar no auto-de-fé

(Memorial do Convento)

Old Book Smell

Um dos livros que ando a ler é novo e tem um cheiro esquisito. Não é desagradável, mas também não dá vontade de sniffar. Não concordo muito com o que se diz: não há nada como o cheiro de um livro novo - acho que têm um cheiro indefinido, bem diferente dos velhinhos. Se tivesse de colocar numa bacia ingredientes para fazer o aroma de um livro novo não sei o que colocaria, mas de um velho colocaria talvez: chuva, estantes de mogno, uma lareira...Os cientistas dizem que o cheiro é uma mistura de amêndoa, baunilha, erva e flores. O que dá o cheiro a amêndoa é o benzaldeído, a baunilha é a vanilina e a flores é o 2-Ethylhexanol. Ao longo do tempo os componentes orgânicos das páginas vão-se decompondo libertando os químicos que produzem estes aromas. Mais importante: está aprovado que o cheiro dos livros velhos provoca uma sensação de conforto e bem estar...Posso confirmar isso pela experiência. E antes que digam que não é saudável sniffar livros velhos, pensem que há coisas piores tipo as bactérias que vivem à grande nos nossos teclados...

Quem Escreve...

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728

Sumo que já se bebeu

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

A dona lê

Tem Reclamações a Fazer?

Já visitaram o estaminé