Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Mulheres na Ciência

Há uns tempos encontrei uma página sobre mulheres cientistas e guardei algumas imagens que lá estavam...Nunca mais me lembrei delas até que no Fim-de-Semana fiz uma incursão à minha pastinha e achei que era algo a ser partilhado. A verdade é que muitas vezes encontro gente por essas interwebs que acredita realmente que laboratórios e mulheres são universos opostos: houve uma eminência que disse que a ciência é rapazes a mexer em brinquedos. Permitam-me discordar:

 

 

Hooper foi a primeira mulher a conseguir o doutoramento em matemática na Universidade de Yale em 1934. Em 1942 entrou para a marinha onde ajudou a programar o Mark I - o primeiro computador electromecânico automático de larga escala. Pioneira no processamento de dados, ajudou a criar o COBOL (common business-oriented language) - uma linguagem de programação que ainda é utilizada hoje

 

 

Em 1952 Franklin conseguiu imagens do DNA utilizando o Raio X. Uma delas - a foto 51 - mostrava a estrutura de dupla hélice. Sem autorização o seu colega  de laboratório Maurice Wilkins (que pelas costas a chamava de bruxa) apropriou-se da foto e mostrou-a a James Watson e Francis Crick. No ano seguinte eles publicaram a descoberta da dupla hélice na revista Nature sem citar o trabalho de Franklin e os três ganharam o prémio Nobel. Só em 2000 Watson reconheceu que nunca teriam chegado a esta descoberta sem Rosalind. Hoje ela é reconhecida como mãe do DNA

 

 

Mayer nasceu em 1906 no Império Alemão, aos 24 doutorou-se pela universidade de Göttingen e no mesmo ano partiu para a América onde trabalhou por décadas sem ser paga. O seu marido chegou mesmo a ser despedido da universidade Johns Hopkins porque o reitor considerava uma afronta a presença de Maria no laboratório. Os seus estudos permitiram compreender as propriedades magnéticas nos núcleos, conhecimento esse que é a base das ressonâncias magnéticas usadas hoje na medicina. Ganhou o Nobel da Física em 1963

 

 
 Em 1954 Rubin concluiu que as galáxias se aglomeravam em vez de se distribuírem aleatoriamente no universo. Elas formam blocos chamados Galaxy Clusters - termo que hoje é amplamente usado. Em 1965 tornou-se a primeira mulher a ter acesso aos telescópicos do Observatório Palomar - até meio do século muitos institutos ainda proibiam as mulheres de usar os instrumentos científicos. Mais tarde notou que os corpos celestes nas bordas das galáxias se moviam tão rápido que deviam ser projectados, mas em vez disso continuavam agrupados - tinha que existir mais matéria do que aquela que se conseguia ver. Pelo meio ainda criou quatro filhos.

 

 

Meitner nasceu em 1878 em Viena. Conseguiu entrar na Universidade em 1901 e doutorar-se 5 anos mais tarde. Depois foi para Berlim onde trabalhou com o químico Otto Hahn: ela estudava as propriedades físicas das substâncias radioactivas e ele as propriedades químicas. Conseguiram progressos na área da física nuclear e em 1938 descobriram o fenómeno que chamaram fusão nuclear. Só Hahn foi premiado por esta descoberta, erro nunca reconhecido pelo comité.

 

20 comentários

Comentar post

Quem Escreve...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Junho 2015

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Sumo que já se bebeu

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

A dona lê

Tem Reclamações a Fazer?

Já visitaram o estaminé