Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

A Propósito do Pirelli...

 

Num mundo ideal o facto de uma modelo plus size integrar o calendário Pirelli de 2015 não seria notícia. Seria apenas algo normal, da mesma maneira que há mulheres mais altas, mais baixas, brancas, negras...O termo plus size nem sequer existiria (não sei bem o que é considerado tamanho grande, talvez toda e qualquer pessoa que não tenha um ar subnutrido...Bem mais de metade das mulheres do planeta cabem nesta categoria então), simplesmente seria aceite que a beleza e a sensualidade podem vir em diferentes formas. Mas não é isso que acontece e cada passo na direcção da tolerância é dado muito devagar e a muito custo. Por isso não podia deixar de ficar contente com a decisão da famosa marca de incluir pela primeira vez uma modelo XL - a americana, de vinte e nove anos, Candice Huffine. Um pequeno passo, que tem dado muito que falar. há sempre pessoas enjoadinhas que acham que estas mulheres deviam estar era em casa a deprimir em frente ao espelho, não espera...Isso também seria condenável: deprimir por causa da aparência, que superficial. Estas pessoas apontam o dedo a tudo,  expecto a elas próprias. Porém a maioria das reacções parece-me positiva. Há quem não ache plus size sequer. Lá está, estas definições são meio dúbias...Quem quiser ver algumas das fotos deste novo calendário que vai sair em Novembro estão aqui. O tema parece ser o látex, facto que não aprecio, mas é o que está na moda.

Inspira-me: livros na ilha

Pergunta o Sapinho: se fossemos para uma ilha e só pudéssemos levar três livros quais seriam? Bom, em primeiro lugar teriam de se avaliar as condições da ilha - é totalmente deserta? tem lá hotéis? escotilhas escondidas? Vivem lá nativos? Dá para levar mais pessoal e mais bagagem? E porque só três livros e não tipo cinco ou seis...Haveria lá alguém a inspeccionar? Tem um a mais já não entra! Este tipo de perguntas eu costuma fazer quando me colocam os problemas de matemática á frente...Com que objectivo alguém compra oitenta melancias? Compreende-se que as minhas notas na matéria não eram muito boas. Por acaso não gosto muito de ilhas, especialmente daquelas pequenas em que só se ver mar em volta por onde quer se olhe. Uma vez estive nas Berlengas e jurei para não nunca mais, não que a paisagem não seja bonita, mas o caminho é a subir e de um lado é o precipício e do outro...o precipício! Fiquei na zona mais plana (não vi nem o farol nem o forte que lá há) a ver as pessoas a desembarcar e ás tantas comecei mesmo a ficar claustrofóbica...É que não há sítio para onde fugir. Só gostei mesmo da viagem de barco até lá. Fiquei na zona coberta e dava para sentir o barco a galgar as ondas. Enfim, se a ilha fosse totalmente deserta acho que levava um manual de sobrevivência que ensinasse uma fogueira e assim. Se não fosse, levava uns livros bem grandes que me ocupassem o tempo entre um mergulho e outro:

 

 

A Ada é suficientemente denso para me ocupar por um bom período, se bem que também ia precisar de papel, caneta e dicionário. Tinha de incluir o pc na bagagem. O Ricardo idem, ainda por cima já não me lembro muito bem da história. O Diário, era para me dar coragem...E também tem os seus momentos engraçados. Mas seria uma pena deixar os restantes para trás. Provavelmente se fosse agora olhar para a estante escolhia outros. Também não estou a pensar ir assim para nenhuma ilha de momento...Só se fosse para os Açores.

Coisas que me andam a agoniar

Acordos, sanções, blá blá...Falam falam mas eu não os vejo a fazer nada. Esta história da Guine Equatorial - ditadores nunca são demais ao que parece, além de que o português deve ser uma língua que se fala muito por lá. Meros preciosismos...Trailer das cinquenta sombras (ou como vi um blog ontem: 50 Shades of Domestic Abuse. Há que chamar as coisas pelos nomes. Ou ainda - 50 Shades of Damaging Stereotypes, 50 Shades of Pathological Violence Due To Past Trauma Isn’t Kink...Gosto desta última), publicado em todo o lado inclusive por pessoas que nem fazem intenções de ir ver. Lei que criminaliza os maus tratos a animais, mas que deixa de fora touradas e circos. Se pusessem amebas a elaborar leis aposto que se saíam melhor. Espera, acho que já é isso que acontece...Touradas na rtp1. Não querem por á hora de jantar? Adoro tradições salutares! É normal que os miúdos insultem o seu filho, as crianças nesta idade são muito francas não podemos impedir isso...Vi este discurso numa novela, a sério - dicas para criar monstros episódio 1. Dá para mandar parar o mundo, tipo como nos autocarros em se carrega num botão? É que ás vezes gostava de sair...

Pág. 1/4

Quem Escreve...

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Julho 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

A dona lê

Tem Reclamações a Fazer?

Já visitaram o estaminé

subscrever feeds