Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Nunca me Esqueças

 
Nunca me Esqueças de Lesley Pearse 
Edição/reimpressão: 2008 
Páginas: 432
Editor: Edições Asa 
Preço: 15,14 €
Não se deve julgar pelas aparências. Isto é válido para pessoas mas também para livros. Confesso que ao ler a sinopse deste livro e ao ver que era vendido dentro de saquinhos prateados (acho que agora já não...) só me ocorreu um pensamento: lamechice. É uma coisa que detesto. Ora, há uns tempos encontrei o dito na prateleira da minha irmã e decidi aventurar-me. Cheguei duas conclusões: é uma das histórias mais extraordinárias que já li. Não é lamechas.
Mary broad é uma camponesa analfabeta que decide deixar a sua terra, a Cornualha, e ir para Londres, mas é presa e condenada à forca por ter roubado um chapéu (a narrativa inicia-se em 1786. Era comum na altura mandarem pessoas para a forca por roubar uma empada). Mary acaba por ir para o degredo em vez de ir para a forca. O destino do seu exílio: Austrália, uma terra inóspita que ninguém ainda tinha pisado. 
É preciso ter estômago para ler este livro. A descrição da viagem até à colónia penal é de arrepiar (pensem num barco negreiro), a estada no novo território não é muito melhor (um calor tórrido, falta de comida, violência...). Decidida a não criar os filhos naquele ambiente, Mary vai protagonizar uma fuga que deixará o seu nome escrito na História, pois trata-se, efectivamente, de uma história verídica e, de uma maneira geral, a autora mantêm-se fiel à mesma. Não é um livro "levezinho" (a descrição do hospital na Batávia é dantesca).

Devo dizer que Nunca me Esqueças superou as minhas expectativas. A obstinação de Mary em nunca se render às adversidades, é absolutamente incrível. A sua luta prende-nos do principio ao fim da narrativa.

É definitivamente um livro a ler! e já sabem: desconfiem da sinopse. Quem escreveu deve ter lido o livro na diagonal ou achou que assim vendia mais (provavelmente acertou....).

6 comentários

Comentar post

Quem Escreve...

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Julho 2010

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

A dona lê

Tem Reclamações a Fazer?

Já visitaram o estaminé