Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Desabafos Agridoces

"Not all girls are made of sugar and spice...Some are made of sarcasm and nothing is fine"

Das leituras não houve pausa

 

Esta foi a obra escolhida para ler durante a minha estadia na terrinha...E foi uma agradavel surpresa! Resumidamente: Agnes é uma jovem humilde e com bom coração que para ajudar a família decide trabalhar como preceptora. Ela tece altas expectativas, mas a função acaba por se revelar desgastante e nada compensadora. A pobre encontra gente do mais mesquinho e tem de fazer um grande esforço para conservar os seus valores morais, engolindo uma série de humilhações. Achei que ia ser uma leitura pesada, mas enganei-me. 

 

Anne tem um sentido de humor notável, algo que não se encontra nas obras das irmãs mais velhas. Parece que estamos a ler Jane Austen, embora Anne não tenha aquela subtileza que suaviza o tom irónico próprio dos livros de Austen. Não contava rir-me mas aconteceu em vários momentos...Há vários temas sujeitos a crítica: as diferenças de classe, o papel da mulher que consistia apenas em que as meninas fossem o mais atraente possível ainda que não valessem nadinha por dentro, o fraco carácter dos seres humanos em geral...Anne consegue ser mesmo muito mordaz, não se coibindo de mostrar a mesquinhez e hipocrisia dos seus semelhantes. Trata-se de um livro de inegável actualidade...

 

De facto, podemos parecer muito evoluídos com as viagens a Marte ou com três televisores 3D na sala, mas na essência não mudamos grande coisa desde á milénios. Por exemplo, a dada altura Agnes (que é também a narradora) faz uma divagação sobre a beleza que se encaixa perfeitamente nos dias de hoje: não interessa se somos o Gandhi e a Madre Teresa juntos, se formos feias não temos hipótese. Bastante actual também a descrição de certos comportamentos femininos...

 

Para quem não gosta de descrições pormenorizadas é um bom livro porque não as tem. Pessoalmente não lhes senti a falta porque o li com o sino da igreja e o canto dos passarinhos em fundo fazendo-me quase sentir lá no presbitério. Só não vi passar nenhum Mr. Weston..Não se pode ter tudo realmente. A personagem principal é que não é grande coisa como heroína: nunca se revolta nem faz nada para mudar a situação...É o chamado pão sem sal. Porém, a sua bondade e inocência acabam por conquistar e damos por nós a desejar que ela tenha o seu final feliz. Em suma: Gostei!...Esta edição em particular é barata e não tem muitos erros, mas também há uma da Europa América. 

2 comentários

Comentar post

Quem Escreve...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Avisos

As opiniões sobre livros e afins podem conter spoilers. Comentários agressivos ou insultuosos não serão aprovados. Este blog não adopta o novo acordo ortográfico

Calendário

Agosto 2013

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Sumo que já se bebeu

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

A dona lê

Tem Reclamações a Fazer?

Já visitaram o estaminé